Alexandre Camacho/Pedro Calado foram os vencedores do Rali do Marítimo – Município de Machico 2018, a quarta prova do Campeonato de Ralis da Coral da Madeira, que se realizou nos dias 6 e 7 de julho.

O campeão em título, Alexandre Camacho concluiu em primeiro seis das onze classificativas com o tempo de 43:54,6.

Uma vitória que já faltava este ano “Foi muito importante para nós, era isto que procurávamos, foi para isto que trabalhamos e cá está, estamos muito satisfeito e já é um bom pronuncio para a Madeira sendo que ainda sabemos que podemos melhorar e isso é bom.”

Outro dos animadores desta prova foi sem dúvida Miguel Nunes, que alcançou o segundo lugar do pódio. O piloto andou excelentemente bem, o que tornou este rali numa luta muito renhida até ao final da 11ª PEC. “Estamos bastante satisfeitos, a vitória foi para o Alexandre desta vez e com toda a justiça, se fosse para nós também não seria injusto. Nós demos o máximo tanto ele como nós andamos muito no limite e as diferenças foram muito escassas e estamos muito satisfeitos por termos disputado um rali deste nível.

O pódio ficou completo com João Silva, que continua assim na liderança do Campeonato, beneficiando da avaria de Pedro Paixão/Jorge Henriques nesta última PE, que os obrigou a desistir. “Acabou por ser bom o final porque o resultado permite-nos manter a liderança no campeonato e o pódio sempre é um resultado de relevo… Nesta prova eu se calhar fui o elo mais fraco, sei onde falhei, o que me deixa um pouco mais de consciência tranquila porque sei que foi uma decisão minha, se não fosse estava mais preocupado.”

Rui Pinto ao volante do Ford Focus WRC foi o quarto classificado desta prova, ficando a 1:32,2 do vencedor. A má escolha de pneus nas primeiras classificativas do dia excluíram o piloto da luta ao pódio.

Fechou o top 5, Rui Jorge Fernandes/Mariano Freitas em Mitsubishi Lancer EVO IX e vencendo a RC2N beneficiando da desclassificação das duas equipas Vasco Silva/Ricardo Ventura e Filipe Pires/Vasco Mendonça ambos com irregularidades no Mitsubishi Lancer EVO X.

A prova foi marcada igualmente pela desistência de Nuno Ferreira/Paulo Freitas com uma avaria mecânica no inicio do dia e agora na última classificativa pela dupla Pedro Paixão/Jorge Henriques o que lhes custou o terceiro lugar do pódio, também com uma avaria na viatura.

Destaque final para o imenso público que se espalhou ao longo dos cerca de 169,55km de troço, principalmente nas zonas de espetáculo sempre com grande entusiasmo e para a excelente organização do C. S. Marítimo.

Classificação Final do Rali Marítimo Município de Machico 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *