Não bastou à dupla Pedro Paixão/Jorge Henrique (Skoda Fabia R5) ter entrado a ‘matar’ na classificativa noturna que abriu o Rally do Marítimo/Município de Machico, batendo o recorde em cada uma das passagens para que chegassem pela primeira vez ao degrau mais alto do pódio.

Um erro, na antepenúltima ‘especial’, fez com perdessem a liderança, que foi aproveitada por Miguel Nunes/João Paulo (Hyundai I20 R5) para vencerem a prova da zona Leste. Um resultado que relança – e de que maneira – o Campeonato da Madeira Coral de Ralis, ainda que esta tenha sido a segunda prova.

Vencedores na primeira, Alexandre Camacho/Pedro Calado (Skoda Fabia R5) acabaram no 3.º posto, depois de terem sentido problemas no sensor do acelerador, os fizeram, durante algum tempo, perder o ritmo que vinham imprimindo.

Nesta luta de candidatos à vitória, João Silva/Ricardo Ventura (Citroën DS3 R5) foram obrigados a desistir por avaria mecânica.

Sem adversários na categoria, Filipe Pires/Vasco Mendonça terminaram no 5.º posto, precedendo a dupla que ganhou a ‘luta’ dos potentes Porsche.

No ‘top ten’, ficaram ainda Gil Freitas/Duarte Miranda (Porsche 991 GT3 Cup), Paulo Mendes/Roberto Figueira (Porsche 991 GT3), Bruno Fernandes/Mauro Sousa (Citroën DS3 R3T) e Artur Quinta/Vítor Henriques (Peugeot 208 VTI).

Referência ainda para a dupla Bruno Coelho/Paulo Coelho, que levaram o seu carro à vitória entre os Toyota Yaris, e para Vítor Sá, (onze vezes campeão regional), que regressou à competição acompanhado por Rubina Gonçalves, mas não completa a prova, devido a alguns problemas no Citroën DS3 R3 Max.

Terminou assim mais uma edição do Rali do Marítimo Município de Machico, numa prova que “encheu” as estradas do Município.

Texto: Press-release

Foto: André Ferreira | It’s Time

Classificação Final Oficial Rali Marítimo Machico 2019