Campeões, líderes dos campeonatos e vedetas internacionais entre os presentes

A Baja TT Vindimas do Alentejo, Taça de Portugal de Todo-o-Terreno que arranca amanhã e se disputa até domingo por pistas do Baixo Alentejo, está quase a começar. A organização está a ultimar os derradeiros detalhes para fazer desta prova uma grande festa do Todo-o-Terreno nacional sendo a presença dos principais pilotos que competem nos Campeonatos de Todo-o-Terreno da FMP e da FPAK, um dos principais atrativos desta competição realizada pela CPKA.

Esta corrida, Taça de Portugal para SSV, Moto e Quad, conta com uma excelente lista de inscritos nestas três disciplinas da FMP registando uma forte adesão principalmente da parte dos SSV onde Pedro Santinho Mendes, atual líder do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, irá defrontar alguns dos seus mais diretos adversários como o campeão nacional João Monteiro, o campeão SSVT T2 Mário Franco, Pedro Carvalho e os jovens Luís Cidade e Gonçalo Guerreiro. A estes junta-se o nome de Reinaldo Varela o brasileiro vencedor do Dakar 2018.

Nas motos também o atual líder do CNTT Salvador Vargas, marca presença tendo como principais adversários Daniel Jordão, Martim Ventura e Gonçalo Amaral. De registar também a presença do atual líder da competição Quad Luís Engeitado.
Na competição auto o campeão João Ramos, encabeça a lista e o favoritismo tendo como principais adversários Nuno Matos, Paulo Rui Ferreira, César Sequeira, Nuno Madeira e Miguel Casaca entre os pilotos nacionais e Luís Recuenco, entre os estrangeiros.
A Baja TT Vindimas do Alentejo, começa na sexta-feira com as habituais verificações técnicas e administrativas a que se segue uma animada cerimónia de partida. Desportivamente a prova arranca no sábado, dia 7, com o prólogo de 6,2 km, com traçado inédito especialmente desenhado para esta corrida. Na tarde de sábado realiza-se o primeiro setor seletivo com 150 quilómetros que será disputado por todas as categorias presentes na prova. No domingo os pilotos dos automóveis vão repetir o troço de 150 km disputado no dia anterior enquanto que para as motos, SSV e quads está reservado um percurso de 85 km.

Texto: ADOIS Comunicação