AMAK

Associação Madeirense Automobilismo e Karting

Retorno Mediático de 2003 ascende aos 106 milhões de euros

   Pesquisar

Retorno Mediático de 2003 ascende aos 106 milhões de euros

A comunicação e divulgação do desporto automóvel nacional é determinante para a notoriedade de um desporto que alavanca milhares de adeptos por todo o país. De acordo com os dados da Cision, empresa líder global em serviços e software de pesquisa, monitorização e análise de media, o impacto mediático de 2023 foi de 106.299.120€, mais um número recorde no que toca à exposição do nosso desporto.

Os dados agora revelados englobam 10 modalidades Ralis, Todo-o-terreno, Montanha, Velocidade, Karting, Ralicross, Trial 4X4, Regularidade, Drift e Novas Energias e são avaliados meios televisivos, radiofónicos, imprensa escrita e sites de informação.

Como vem sendo habitual e até pelo número de provas e campeonatos, os Ralis são a modalidade que mais impacto apresenta, seguido a Velocidade, Todo-o-terreno, Karting. Montanha, Ralicross, Novas Energias, Regularidade, Drift e por fim o Trial.

Os valores apresentados são de destacar num ano onde as tabelas de publicidade tenderam a baixar e que servem de barómetro para chegar a estes valores. Isto significa que a aposta de pilotos, equipas e marcas, assim como a FPAK que faz um enorme investimento e divulgação continua a dar os seus frutos: “Estes são valores muito encorajadores e mostram o potencial do nosso desporto para patrocinadores e potenciais patrocinadores. Estes resultados são fruto de muito investimento por parte da FPAK mas sobretudo de pilotos, equipas, marcas, promotores e clubes organizadores de provas. Todos juntos conseguimos fazer a diferença e gradualmente vamos conseguindo colocar o desporto automóvel num patamar que não vê há muitos e muitos anos. Continuar a trabalhar e a investir em comunicação é uma prioridade para nós”, referiu Ni Amorim.

Texto: FPAK